24 de fev de 2009

Cantar...Sambar...E ser feliz assim


E finalmente o Carnaval chegou.
Trazendo com ele tanta alegria e euforia ao meu coração.
Tão rápido e ao mesmo tempo tão eterno.
Depois de tanto tempo de espera e desencontros eu pude ficar frente a frente com uma de minhas tão profundas paixões. O Carnaval. Uma das mais maravilhosas festas que possa existir.
Ah, doce Carnaval que me trouxe tantas coisas boas neste ano, um dos melhores vividos por mim até agora. Talvez pelo fato de que desta vez pude ver além das lentes da TV e do meu coração. Depois de praticamente um ano contando os dias e os meses para chegar.
É inexplicável a sensação que senti quando pisei naquele solo sagrado, como se fosse a primeira vez, e quando vi entrar pro aqueles portões da avenida a primeira escola, vendo já o gigantesco abre-alas e a perfeita comissão de frente.
Feito criança que vê o mar pela primeira vez e passarinho livre da gaiola alí estava eu, com um sorriso de orelha a orelha e com os olhos brilhando como os diamantes da Peruche em estado de êxtase agradecido por mais um sonho realizado. Sonho concretizado ao ver a Rosas embalar meus antigos sonhos de criança. Naqueles momentos tão raros não havia dinheiro que pagasse tamanha emoção, nem a Vila Maria com todo seu luxo poderia demonstrar todo esse dinheiro.
Me sentindo nego pulando e cantando com raça me senti como um negro da Tom Maior em que nas suas veias correm o mais antigo samba de raiz.
A noite caia e agitando o forte refrão da Mancha me senti também como um valente guerreiro cantado pela X dançando já sozinho dentre tão grande multidão e finalmente já de manhã com os primeiros raios de sol em meu rosto e fazendo valer a minha tão preferida frase Cantar...Sambar...E ser feliz assim ... pude fechar com chave de ouro meu tão esperado sonho comemorando a nãovitória da minha amada Nenê. Com os pé doloridos, cansado e já sem voz pude aplaudir a escola que tanto me emocionou.
Uma noite cheia de emoções, supresas, gritos, lágrimas, dança e samba...assim foi meu primeiro desfile oficial no Sambódromo do Anhembi. Apenas o abrir das portas de uma vida de samba inteira pela frente...
Cantar...Sambar...E ser feliz assim...
Nunca te abandonarei meu amado CARNAVAL.!

1 Opiniões:

Anônimo disse...

Eitcha Patolino, qto amor hein...

Parabens, ficou show demais.